sábado, 5 de fevereiro de 2011

O meu filho

 


"Não são precisas desculpas para falar de quem mais se gosta"

Esta foto...
Era a desculpa.
O pretexto.
Mas nem sei se gostas dela!
Dizes sempre que ficas mal.
E não preciso de desculpas para falar sobre ti!
Amo-te, filho!
Menino que foste,
Homem que és.
Dizes sempre que exagero.
Mas não preciso de desculpas para falar sobre ti!
Cresço contigo
e com a tua humildade.
Fazes-me bem
com o teu equilíbrio
e a tua seriedade.
Mas não preciso de desculpas para falar sobre ti!
Vejo no teu olhar a doçura.
E quando ris
a tua gargalhada é autêntica.
Contagia.
Quando nos rimos juntos,
somos iguais,
próximos!
Verdadeiros.
E não preciso de desculpas para falar sobre ti!

Mãe



"A medida do amor é amar sem medida"

(Santo Agostinho)




2 comentários:

Virgínia Machado disse...

Adorei! Como nos entendemos nestas coisas... Bjs.

Martina disse...

Precioso!!!! :)